Luís de Camões

You are currently browsing the archive for the Luís de Camões category.

Que crédito que dá tão facilmente
o coração àquilo que deseja,
quando lhe esquece o fero seu destino;

ah, deixem-me enganar, que eu sou contente;
pois, posto que maior meu dano seja,
fica-me a glória já do que imagino.

(Luís de Camões)

Tags: , ,

%d blogueiros gostam disto: